6.26.2011

Meu bem, de agora até sei lá quando, será tão fácil. Eu te amo, é só, não creio que isso vá mudar. Somos amigos, sim, somos, ou não? Sei lá o que somos. Você é única, certamente e devo dizer, eterna. Embora isso me deixe de veras triste, eu sei que vou ficar bem. Afinal, você ainda está comigo, eu sei, não literalmente, que droga, mas enfim, está. Obrigado por estancar algumas lágrimas e desencadear outras tantas, mas essas, essas sim, eu chorei com muito prazer. Fronteiras e mais fronteiras me separam daquela que eu inexoravelmente amei, perdoe o erro, ainda amo. Não se surpreenda se essa vida tão irônica nos colocar diante um do outro. Porque você partiu coração e mesmo assim eu o daria de volta.

6.17.2011

Clock.

Pássaros cantam desafinados
Uma canção pra relembrar
Dos diamantes que em seus olhos
Escondem toda a riqueza
Desejo maior não há
Que o meu de te encontrar
Linda, aos meus olhos
Mais que você não haverá
Se meu amor fosse um relógio
Você seria o meio-dia

Seu amor desliza sobre mim
Assim como as nuvem deslizam sobre o céu
A saudade me distrai
Minha memória incessante
Teima em seus traços recordar
Aprecio essa paisagem torta
Enquanto me perco silenciosamente
Em seu sorriso que é meu mar
Se meu amor fosse um relógio
Você seria a meia-noite

Flerto a lua tão brilhante
Tão longe a me inspirar
Longe também está você
Linda até mais que o luar
Guardo suas palavras
Como tesouro no fundo do mar
Teu amor que me preenche
Me eleva a desdenhar
O mundo que fica a me importunar
Então somente fico
Sonhando fico a te ansiar
Se meu amor fosse um relógio
Você seria todas as horas.