11.22.2010

Quis, Quero, Quererei.

Eu quero a chuva em um dia de sol
A mais sutil indelicadeza
O céu cinza de um dia nublado
A névoa branca no oceano
Uma nuvem carregada de sonhos ingênuos
Cortando toda a civilização
Eu quero viajar até o outro lado
E ver o sol poente no horizonte
Eu quero o outono e as folhas caindo
A morte e a revitalização
Eu quero uma montanha verde
Com um pico inatingível
Onde só as águias podem pousar e descansar
Para contemplar o lindo momento antes da morte

Eu quero a vida em sua mais bela representação
Eu quero a primavera em todas as suas cores
Estampada bem no seu sorriso
Eu quero a sua silhueta
Em uma noite fria de inverno
Eu quero o calor da sua pele
Tocando a minha pele com toda pureza e veracidade
Eu quero os cães ladrando
Em uma linda sinfonia de liberdade
Eu quero o seu beijo
Antes do fim do mundo
Eu anseio seus doces lábios
Enquanto meu coração bate
Como um pêndulo de ouro egípcio

Eu quero respirar o ar pré-histórico
Eu quero sentir a consternação mais singela
E quero andar pelas ruas
Com o vento me abraçando por inteiro
Eu quero os seus olhos
Olhando na direção dos meus
Eu quero os seus cabelo
Enroscado em minhas mãos
Eu quero o seu rosto
Onde eu possa vê-lo sempre que quiser
Eu quero tocar as linhas do horizonte
Eu quero a paz pra minha alma
E quero a minha vida junto a sua
Eu quero que nossos corações se encontrem
Eu quero isso a cada precioso segundo.